Comitiva da Indonésia conhece Projeto de REDD do Juma em Novo Aripuanã

30 de setembro de 2010 - Representantes conhecerão também programa Bolsa Floresta

Fonte: Fundação Amazonas Sustentável

Por Monick Maciel

O chefe da Unidade de Supervisão e Gestão do Desenvolvimento do Governo da Indonésia (UKP4), Kuntoro Mangkusubroto, e sua comitiva formada por 10 pessoas, visitam hoje (30/09) o projeto de REDD implementado pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS) na reserva de desenvolvimento sustentável do Juma, no município de Novo Aripuanã (AM).

A comitiva está em Manaus desde ontem (29/09), quando participaram de uma reunião com o superintendente geral da FAS, Virgílio Viana, na sede da Instituição.

Comitiva durante visita à sede da FAS (fotos: Monick Maciel)

Na visita ao Amazonas, a comitiva visa também conhecer as experiências do Estado relacionadas ao Fundo Amazônia, que tem por finalidade captar doações para investimentos não-reembolsáveis em ações de prevenção, monitoramento e combate ao desmatamento, e de promoção da conservação e do uso sustentável das florestas no bioma amazônico.

O Programa Bolsa Floresta, criado pelo Governo do Amazonas e implementado pela FAS nas unidades de conservação estaduais do Estado, foi um dos primeiros projetos aprovados para receber recursos do Fundo Amazônia, no ano passado. O Fundo receberá, até 2015, US$ 1 bilhão da Noruega.  

Os representantes da Indonésia deverão realizar um estudo comparativo de vários modelos de aplicação de REDD, para fortalecer e enriquecer a fase de preparação de REDD na Indonésia, conforme acordado na Carta de Intenções entre o Governo da Indonésia e a Noruega, que também prometeu doar US$ 1 bilhão ao país.

Newsletter