Programa Ciência na Escola estimula projetos na RDS do Juma

8 de dezembro de 2010 - Cinco projetos de iniciação científica serão apresentados a uma banca avaliadora composta por FAS, Fapeam e Seduc

Fonte: FAS

Por Felipe de Paula/FAS

Serão apresentados hoje (08/dez), os cinco projetos de pesquisa científica dos alunos da escola J.W. Mariott Jr., ligada ao Núcleo de Conservação e Sustentabilidade Samuel Benchimol, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Juma (Rio Aripuanã/AM). Os projetos são fruto de uma parceria entre a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Amazonas (Fapeam), por meio do Programa Ciência na Escola (PCE). 

O programa, que une o conhecimento teórico-científico ao conhecimento prático-empírico desenvolvido pelos alunos na escola, permitiu aos alunos a realização de várias atividades empreendedoras durante o ano, tais como: a implantação de uma horta de plantas medicinais, a realização de palestras sobre alimentação saudável para as famílias moradoras da RDS e a elaboração de um cardápio nutricional para melhorar a qualidade da merenda escolar oferecida aos alunos.

Destacando desde o estudo das plantas medicinais da Amazônia até o estado da educação das populações tradicionais residentes na RDS do Juma, os projetos foram todos voltados à realidade local do homem da região Amazônica, mais especificamente da RDS do Juma. Outro projeto de pesquisa investigou ainda a transformação dos hábitos alimentares dos comunitários da região.

A coordenadora institucional do Projeto Juma, Raquel Luna Viggiani, relata que antes da escola, os alunos tinham que fazer o ensino Fundamental na sede do município, ou deixar de fazê-lo. Ela destaca ainda a importância desses projetos para melhoria da motivação e a consequente melhoria na qualidade da educação na escola. “Além de reforçarem a pesquisa como proposta pedagógica da escola, esses projetos motivam professores e alunos a melhorar a qualidade da educação e obter mais resultados práticos”, ressaltou Raquel.

A banca avaliadora que fará o relatório final dos cinco projetos será composta pela FAS, pela Fapeam e Seduc.

Escola J.W. Marriott Jr. – NCS do Juma

A escola J.W Marriot Jr. foi criada em maio de 2007, com recursos da rede hoteleira Marriott International América Latina e é ligada ao Núcleo de Conservação e Sustentabilidade da Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Juma. As aulas são ministradas por professores da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc).

A proposta pedagógica da escola prioriza a pesquisa como ferramenta educativa, o incentivo ao empreendedorismo, a contextualização com a realidade local, o resgate à cultura local e valorização dos saberes etno-ecológicos, tudo isso dentro de uma metodologia transdisciplinar, em que as disciplinas são tratadas de maneira integrada.

Sobre o PCE

O Programa Ciência na Escola (PCE) é realizado a partir de uma parceria entre a Fapeam e as secretarias de educação estadual e municipal. Ele consiste em apoiar, com recursos financeiros e bolsas, sob formas de cotas institucionais, estudantes dos ensinos fundamental e médio integrados no desenvolvimento de projetos de pesquisas de escolas públicas.

 

Sobre a FAS – Fundação Amazonas Sustentável

A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) é uma instituição público-privada, sem fins lucrativos, não- governamental e fundada no dia 20 de dezembro de 2007, por meio de uma parceria entre o Governo do Estado do Amazonas e o Banco Bradesco.

 

Com a missão de promover o envolvimento sustentável, a conservação ambiental e a melhoria da qualidade de vida dos moradores das unidades de conservação do Estado do Amazonas, por meio da valorização dos serviços e produtos ambientais, a FAS tem como prioridade implementar o Bolsa Floresta, maior programa de pagamento por serviços ambientais no mundo, reconhecendo o papel das populações tradicionais para a conservação da floresta amazônica.

 

Newsletter