Motor de Popa é tema de curso nos Núcleos da FAS

20 de setembro de 2012 - Em parceria com o CETAM, o Programa de Educação da FAS oferece cursos para comunitários

 
Motores ajudam na vida e no trabalho dos ribeirinhos (Katia Serique/FAS)

O curso para a manutenção de motores de popa está sendo aplicado, desde agosto, nos NUcleos de Conservação e Sustentabilidade (NCSs). Somente nos NCSs do Tumbira e Uatumã, um total de 49 comunitários já foram capacitados. O trabalho é fruto de uma parceria entre Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e o Centro Educação Tecnológica do Amazonas (CETAM).

No conteUdo, uma explanação completa sobre a dinâmica dos motores de popa, equipamento náutico vital para o deslocamento entre ribeirinhos no interior do Amazonas. Da manutenção do óleo a reparos básicos da estrutura, os alunos conheceram os segredos para a manutenção correta de máquinas de força desse tipo.

O professor de mecânica do CETAM, Charles Coelho, conta que até agora já foram reformados 42 motores, que alcançaram pleno funcionamento e estão em curso pelos rios do interior do Estado.

“Temos capacitado muitos alunos nas reservas. Esses motores são muito importantes na vida de cada aluno. Estou muito satisfeito com o interesse e a dedicação de cada participante.”

A expectativa é que 150 alunos recebam capacitações durante toda a temporada do curso. Participarão ainda das atividades, nos meses de setembro e outubro, os NUcleos da APA do Rio Negro, da RDS do Juma e Punã.

Cursos e qualificação nos NCSs

O Programa de Educação e SaUde da FAS tem levado importantes oportunidades para profissionalização das atividades ribeirinhas. Desde o ano passado, foram ministrados 17 cursos, em diversas áreas. Em parceria com a Schneider Electric, foi ofertado nas comunidades um curso de eletricista no início de 2011. Outras parcerias, como a firmada com o Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas do Amazonas (SEBRAE-AM), levaram noções de empreendedorismo para os comunitários.

Recentemente, uma parceria com a In Totum Produções, de São Paulo, levou técnicas de moda e costura para 15 comunitárias do Rio Negro.

Ao todo, seis NUcleos oferecem cursos e atividades de Educação, nas Unidades de Conservação (UCs) atendidas pelo Programa Bolsa Floresta.

Newsletter