FAS leva melhoria de qualidade de vida para 1,2 mil pessoas da Resex Catuá-Ipixuna

20 de março de 2014 - Projetos de melhoria de qualidade de vida apoiam 13 comunidades da região do Médio Solimões, com apoio do Instituto TIM

 
Premiação acontece em Brasília | Foto: Liana John

Uma parceria entre a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e o Instituto TIM entregou no início deste ano investimentos na área social na Reserva Extrativista (Resex) Catuá-Ipixuna. A ação faz parte do componente Social do Programa Bolsa Floresta (PBF), e beneficiou 256 famílias com equipamentos de comunicação comunitária, reforma das redes de distribuição de água e transporte médico.

Com o objetivo de facilitar a comunicação entre localidades distantes, foram entregues e instalados cinco aparelhos de radioamador nas comunidades Santa Luzia do Boiá, Nossa Senhora de Nazaré, Divino Espírito Santo, São Lázaro e Santa Fé. Além de fortalecer a mobilização comunitária, ação visa garantir agilidade no atendimento médico dos ribeirinhos, em comunidades que distam dos grandes centros médicos.

Nas comunidades de Nossa Senhora de Nazaré, Nossa Senhora de Fátima, São João Evangelista, Divino Espírito Santo e Bela Conquista, foram entregues equipamentos voltados a distribuição de água. Já as comunidades São Lázaro e Nossa Senhora de Nazaré receberam materiais para a construção de duas cozinhas comunitárias, para receber visitantes e turistas. A comunidade Santa Luzia do Boiá também recebeu uma ambulancha, para transporte de ribeirinhos que necessitem de atendimento de saUde no Médio Solimões.

“O envolvimento dos comunitários tem sido muito grande e a cada dia, percebemos um retorno muito animador na implementação das atividades do Bolsa Floresta. A distância entre essas comunidades pode ser vencida com a mobilização comunitária, que tem sido muito positiva”, explica a coordenadora da Regional Solimões da FAS, Fernanda Martins.

A Resex Catuá-Ipixuna conta com 13 comunidades cadastradas no Programa Bolsa Floresta (PBF). Ao todo, são 256 famílias beneficiadas pela iniciativa, que conta com 1.215 pessoas.

Parceria FAS e Instituto TIM

Em outubro de 2013 o Instituto TIM se tornou o mais novo parceiro do Programa Bolsa Floresta através do componente Social em cinco unidades de conservação beneficiadas pelo programa (Reserva de Desenvolvimento Sustentável Rio Amapá e do Rio Madeira, Reserva Extrativista Catuá-Ipixuna, Reserva de Desenvolvimento Sustentável Uatumã, Reserva de Desenvolvimento Sustentável Piagaçu-Purus).

Newsletter