Destaque internacional, Projeto Primeira Infância Ribeirinha participará da elaboração de rede para a América Latina

13 de maio de 2014 - Fundação Amazonas Sustentável (FAS) participará de encontro em Santiago, no Chile

 
PIR leva atenção à primeira infância para comunidades ribeirinhas | Foto: Rhamilly Amud/PIR

A Fundação Amazonas Sustentável (FAS), gerente do Projeto Primeira Infância Ribeirinha (PIR), contribuirá no planejamento da Rede Panamericana da Investigação em Visitação Domiciliar, que pretende integrar os programas de saUde infantil que realizam visitações na América Latina. A FAS participará de encontro a ser realizado entre os dias 19 a 21 de maio deste ano, em Santiago, no Chile, realizado pelo Erikson Institute, em parceria com o NUcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV/USP) e da Pontíficia Universidade Católica (PUC) do Chile.

A rede promoverá a comunicação entre programas de visitação, fortalecendo a troca de informações sobre visitação domiciliar para a primeira infância na América do Sul, Central e do Norte. A ideia é permitir o intercâmbio de estratégias e protocolos comuns, além de promover o desenvolvimento de estratégias de pesquisa, avaliação e divulgação de práticas baseadas em evidência científica.

O período entre zero a seis anos é fundamental para o desenvolvimento de uma criança. ? uma fase determinante e sensível para alguns tipos de aprendizagem especialmente para organização da visão, audição, fala e ralações sociais onde o cérebro absorve boa parte das informações para o futuro. “O amadurecimento nesse período depende de um bom desenvolvimento e da arquitetura do cérebro”, explica a coordenadora do Projeto, Rhamilly Amud.

O Projeto Primeira Infância Ribeirinha

O Projeto Piloto Primeira Infância Ribeirinha é uma iniciativa conjunta da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), da Secretaria de Estado da SaUde do Amazonas (SUSAM) e do Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (IDIS), financiado pela Fundação Bernard van Leer, e tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento integral das crianças nas comunidades ribeirinhas do Amazonas. O projeto busca subsidiar o desenvolvimento de políticas pUblicas inclusivas para o desenvolvimento da primeira infância no Estado do Amazonas.

Newsletter