FAS participa de assembleia da Associação de Moradores da RDS Rio Amapá

28 de julho de 2014 - Evento reuniu 120 associados para discutir atividades de geração de renda na reserva

 
Assembleia geral ocorreu na Comunidade Boa Esperança, RDS Rio Madeira | Foto: Doney Vitor

A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) esteve entre os dias 17 e 20 de julho nas Reservas de Desenvolvimento Sustentável (RDSs) Rio Madeira e Amapá, e participou da Assembleia Geral da Central das Associações Agroextrativistas da Democracia do Rio Amapá (CAAD), na comunidade Boa Esperança. O encontro foi uma oportunidade de ouvir os ribeirinhos e dialogar sobre novos projetos de apoio à geração de renda na região.

Participaram na assembleia o coordenador da Regional Madeira da FAS, Doney Vitor, o assistente de mobilização da FAS, Edmar Pereira , a gestora da RDS Rio Amapá, Sílvia Elena e o presidente da CAAD, Manoel Ricardo, além de toda a nova Diretoria e Conselho Fiscal da CAAD. Os debates envolveram 120 comunitários, que discutiram questões como as atividades desenvolvidas pela associação, o desenvolvimento do Programa Bolsa Floresta (PBF) na reserva, além de alternativas para a recuperação das cadeias produtivas do açaí, castanha, óleos vegetais e cacau, afetadas pela grande cheia de 2014.

“As cadeias produtivas dessa região do Madeira tendem a evoluir muito nos próximos anos, já que nos próximos meses deve ser entregue um ramal ligando a comunidade Democracia à BR-319, tornando mais fácil o escoamento da produção. ? preciso que essa economia esteja preparada”, explica Doney Vitor.

A CAAD é uma entidade apoiada pelo componente Associação do PBF, que investe no fortalecimento comunitário de associações no interior do Estado. A intenção é promover uma gestão participativa, apostando na autonomia, empoderamento e protagonismo comunitário em 15 unidades de conservação (UCs). Saiba mais!

Newsletter