Comunitários da RDS Rio Negro participam de capacitação sobre trilhas turísticas

21 de agosto de 2015 - Atividade teve como objetivo qualificar moradores no processo de monitoramento de sistema de trilhas

 
Jovens participaram de capacitação no Rio Negro (Foto: Josiani Nascimento/FAS)

Jovens que atuam na área de Turismo de Base Comunitária (TBC) participaram de capacitação, entre os dias 6 a 8 de agosto, sobre implementação e monitoramento de trilhas na comunidade Tumbira, localizada na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Rio Negro. A ação foi realizada pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS) em parceria com o Cetam, e contou com apoio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

O curso foi realizado com objetivo de qualificar moradores da reserva para atuar no processo de monitoramento de sistema de trilhas e condução de visitantes em ambientes naturais, com o propósito de minimizar impactos ambientais e ordenar os sistemas de trilhas existentes. Participaram da atividade jovens das comunidades Saracá, Tumbira, Santa Helena do Inglês e Três Unidos.

“O nosso objetivo é profissionalizar cada vez mais as atividades ligadas a turismo no Rio Negro. Nesta capacitação, os jovens aprenderam não só sobre implementar e guiar turistas nestas trilhas, mas também técnicas de menor impacto ambiental para ajudar a manter a floresta em pé”, explicou a assistente de turismo Josiani Nascimento.

A FAS apoia o TBC em sete comunidades da RDS Rio Negro. No total, a atividade envolve diretamente 42 famílias e aproximadamente 102 famílias de maneira indireta. Desde 2011, foram realizados investimentos totais da ordem de R$ 312 mil, em áreas como infraestrutura de atendimento ao turismo, incluindo aquisição de barcos e construção de pousadas e restaurantes comunitários. Além disso, foram realizadas capacitações em gastronomia, gestão, entre outros.

Newsletter