Diálogos Criativos promove encontro entre empreendedores ribeirinhos e casos de sucesso locais

11 de novembro de 2016 - Evento tem por finalidade promover oportunidades de mercado para os empreendedores da floresta

 

Por Mariana Filizola

A Economia Criativa é um modelo econômico que conecta criatividade, cultura, sustentabilidade e inovação. Nesse contexto, a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) promove entre quinta (10) e sábado (12) o evento “Diálogos Criativos: negócios sustentáveis na Amazônia”, uma parceria com a Associação Zagaia da Amazônia. A abertura do evento aconteceu nesta quinta-feira (10), no Auditório Dona Lídia Parisotto, sede da FAS, Rua Álvaro Braga, 351, Parque 10 de Novembro.

Segundo Wildney Mourão, Coordenador de empreendedorismo e negócios sustentáveis da FAS, o evento busca desenvolver ideias empreendedoras e o potencial da região: “A finalidade do Diálogos é promover oportunidades de mercado para os empreendedores da floresta, tendo a conservação ambiental e a inovação como pano de fundo permeando a valoração dos ativos da Amazônia”, afirma.

A ação é realizada por uma parceria entre FAS e Associação Zagaia Amazônica, com apoio do Fundo Newton, do British Council, e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-AM). A ação também conta com apoio da SAP, da Impram, Caxiri, Prefeitura de Manaus e Uninorte.

O evento será focado em três setores: mercado e inovação, artesanato e moda e gastronomia e turismo. Todos eles a partir do potencial amazônico. Nos dois primeiros dias, o auditório da FAS terá ciclos interativos de palestras com o objetivo de projetar ideias, trocar experiências e compreender o mercado a partir da experiências de empreendedores que já atuam localmente, que serão convidados especiais do evento.

Todos eles possuem negócios ligados às cadeias produtivas da Amazônia, como o Chef Dedé Parente, da rede Cachaçaria do Dedé, palestrante destaque no painel de Gastronomia e Turismo e Lau Zanchi, do Projeto Sentir Amazônia em Portugal no painel de Artesanato e Moda. O evento será finalizado com uma visita à Comunidade de Tumbira, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Rio Negro, a 1h20 horas de Manaus, para uma troca de experiências com microempreendores locais apoiados pelo Programa de Geração de Renda da FAS, com apoio do Fundo Amazônia/BNDES e Banco Bradesco.

blogdoenvolvimento1

blogdoenvolvimento1

sdsn fas

sdsn fas

Newsletter