Programa Bolsa Floresta é apresentado em workshop sobre mudanças climáticas da UnB e Universidade de Leeds

16 de dezembro de 2016 - Evento reuniu experiências de diferentes áreas científicas e atores protagonistas para apresentar e discutir evidências, políticas e aspectos de governança relacionados ao tema

 
Cheia no Rio Madeira em 2014 (Foto: Bruno Kelly)

A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) foi convidada a participar, no dia 9 de dezembro, do Workshop Político e Científico sobre adaptação às mudanças climáticas para o desenvolvimento sustentável no uso da terra no Brasil, realizado na Universidade de Brasília (UnB). Parceria entre a UnB e a Universidade de Leeds, na Inglaterra, o evento teve por objetivo reunir experiências de diferentes áreas científicas e atores protagonistas para apresentar e discutir as evidências, políticas e aspectos de governança relacionados ao tema.

Na ocasião, a FAS apresentou os impactos e a governança do Programa Bolsa Floresta (PBF) como estratégia de mitigação, adaptação e conscientização às mudanças do clima. Segundo Victor Salviati, coordenador do Programa de Soluções Inovadoras e representante da FAS no evento, compartilhar as experiências do PBF possibilitou mostrar os impactos que uma iniciativa do tipo pode ter tanto para a floresta quanto para as pessoas. “O PBF é um caso concreto com uma escala significante: compreende 10,8 mil hectares e já beneficiou 40 mil pessoas no Amazonas. Com sete anos de existência, já é um dos maiores casos de sucesso de Pagamentos por Serviços Ambientais do mundo”, afirma.

Também foram destaques no evento a discussão da posição do governo brasileiro em limitar a captação de recursos para projetos de redução de desmatamento a doações. O evento faz parte dos estudos científicos liderados pela Universidade de Leeds e as discussões serão sintetizadas e incluídas aos mesmos.

Clique aqui para conferir a apresentação da FAS no evento!

Newsletter