Gestores e moradores de Tefé, Maraã e Barcelos participam de mobilização do Edital Floresta Em Pé

6 de abril de 2017 - Edital foi apresentado durante a reunião do Conselho Deliberativo da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Amanã

 
Apresentação do edital no Conselho da RDS Amanã (Foto: Edvaldo Correa)

O município de Tefé recebeu, entre os dias 3 e 5 de abril, mobilização para divulgação do Edital Floresta Em Pé, iniciativa realizada pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e Fundo Amazônia/BNDES que investirá R$ 2,5 milhões no apoio à produção sustentável no Amazonas. A ação atingiu o poder pUblico e representantes do segmento socioambiental.

O edital foi apresentado durante a reunião do Conselho Deliberativo da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Amanã para membros do conselho. Também foram realizadas reuniões nas secretarias municipais de Produção Rural e de Interior de Tefé. O Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (IDAM) local apoiará na divulgação do edital na região.

Durante a missão, foram mobilizados também gestores da área ambiental da prefeitura de Maraã, vereadores de Barcelos, além de moradores da RDS Amanã, localizada nos municípios de Maraã e Fonte Boa.

Nas próximas semanas, o Edital “Floresta Em Pé” será apresentado nos municípios de Itapiranga, Eirunepé, Tabatinga, São Gabriel da Cachoeira, Carauari, Nova Olinda do Norte e Maués.

Reunião de divulgação com secretário do interior de Tefé (Foto: Assessoria de Tefé)

Reunião de divulgação com secretário do interior de Tefé (Foto: Assessoria de Tefé)

Saiba mais sobre o Edital “Floresta Em Pé”:

Desenhado como um novo componente do projeto “Bolsa Floresta Mais”, apoiado pelo Fundo Amazônia, o edital “Floresta em Pé” visa incentivar organizações de direito privado, sem fins lucrativos, formais e regulares que implementam atividades produtivas sustentáveis. Serão apoiados projetos a serem implementados preferencialmente em áreas de entorno e mosaicos de unidades de conservação, e corredores ecológicos do Amazonas.

Além disso, o edital capacitará empreendedores de base comunitária, contribuirá para o alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), e fortalecerá as associações de base criando mecanismos financeiros mais duradouros para os investimentos em infraestrutura social comunitária no estado do Amazonas.

O edital desembolsará R$ 2,5 milhões para projetos de até R$ 150 mil com duração máxima de dois anos. Além do apoio financeiro, a FAS oferecerá cursos de elaboração e gestão de projetos, e assessoria técnica aos selecionados. As diretrizes do edital foram construídas em conjunto pela equipe da FAS com especialistas, lideranças ribeirinhas e indígenas, técnicos do Governo do Amazonas e do Fundo Amazônia.

As inscrições para o edital iniciaram no dia 31 de março e seguem até o dia 5 de junho. A lista de selecionados (primeira etapa) será divulgada no dia 03 de julho de 2017. As informações estão disponíveis no site: www.fas-amazonas.org/edital.

Newsletter