Demonstrações financeiras da FAS são aprovadas sem ressalvas pelo nono ano seguido

10 de maio de 2017 - Contas da Fundação são auditadas semestralmente pela PricewaterhouseCoopers (PwC)

 

A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) disponibilizou nesta quarta-feira (10) as suas Demonstrações Financeiras e o Relatório dos Auditores Independentes da PricewaterhouseCoopers-Brasil (PwC), referentes ao exercício de 2016. As contas da Fundação são auditadas semestralmente e foram aprovadas sem ressalvas pelo nono ano consecutivo.

 

De acordo com os procedimentos internos de prestação de contas da FAS, a administração prepara as demonstrações em conjunto com o escritório de contabilidade JBL, e as submete a auditoria da PwC. Após aprovados pela auditoria, os documentos são analisados pelo Conselho Fiscal e pelo Conselho de Administração da FAS, e finalmente, submetidos ao Ministério PUblico Estadual (MPE).

“Em 2016 obtivemos uma ótima receita financeira para a FAS, proporcionando maiores possibilidades de recursos para nossos programas. Entretanto, nossa atenção aos custos se manteve total, no sentido de sempre fazermos mais com menos. A Fundação tem um desafio para 2017 e nos próximos anos, de sempre ter receitas adequadas para seus programas e atividades no sentido de cumprir a sua missão. Esta tarefa é de alto nível, envolvendo toda a equipe da FAS”, destacou o superintendente administrativo financeiro da FAS, Luiz Villares.

A divulgação das demonstrações financeiras é política da FAS, que preza por assegurar a máxima transparência na sua gestão e prestação de contas. Atualmente, a Fundação desenvolve projetos em 581 comunidades, de 16 Unidades de Conservação (UC) do Estado, beneficiando 39.825 moradores.

Newsletter