Programa de formação de empreendedores amazônicos será implementado por instituições do Brasil, Peru e Colômbia

30 de maio de 2017 - Lançamento da Plataforma de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável ocorreu em Iquitos e Letícia, no Peru e Colômbia, respectivamente

 
Virgilio Viana e Isabel Gutierrez, da Catie | Foto: Thais Megid

A Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (SDSN Amazonia), realizou nos dias 17 e 19 de Maio, respectivamente nos Institutos de Instituto de Investigaciones de la Amazonía Peruana (IIAP. Iquitos – Peru) e Instituto Amazónico de Investigaciones Científicas (Sinchi, Letícia – Colômbia) o lançamento regional da plataforma de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável para países da Bacia Amazônica, o seminário “Capacitação e pequena subvenções para apoiar a mitigação e adaptação às alterações climáticas da Amazônia” e logrou uma parceria vitoriosa entre a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e o Centro Agronómico Tropical de Investigación y Enseñanza (Catie) que beneficiará os povos que integram a bacia amazônica.

O encontro promovido pela SDSN Amazônia contou com apoio do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e Organização das Nações Unidas para o Meio Ambiente. No encontro, cerca de 22 representantes de diversas instituições da área ambiental se fizeram presentes no dia (17), na cidade de Iquitos – Peru, no instituto IIAP para o lançamento regional da plataforma de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável nos países da Bacia Amazônica e para o seminário “Capacitação e pequena subvenções para apoiar a mitigação”.

Estiveram na ocasião o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Fundação Amazonas Sustentável (FAS),Centro Agronómico Tropical de Investigación y Enseñanza (CATIE), Fondo de Promoción de las Áreas Naturales Protegidas del PerU (Profonanpe), Ministério del Medio Ambiente del PerU, Asociación Amazónicos por la Amazonia (AMPA),Universidad Nacional de la Amazonía Peruana (Unap), Instituto de Investigaciones de la Amazonía Peruana (IIAP) e Instituto Amazónico de Investigaciones Científicas (Sinchi).

Lançamento em Letícia, no Peru

No dia (19) o instituto Sinchi, localizado na cidade de Letícia – Colômbia, recebeu o segundo lançamento da plataforma de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da SDSN e a assinatura do termo de cooperação entre um dos membros da rede SDSN Amazonia: a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) do Brasil e o Centro Agronómico Tropical de Investigación y Enseñanza (CATIE) da Costa Rica.

O encontro entre as instituições foi exitosa. Além do lançamento da plataforma de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável nos países da Bacia Amazônica, que tem como foco promover os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) na região e também ser um canal de difusão de novas tecnologias, modelos de negócios e políticas que tenham potencial impacto transformador no desenvolvimento sustentável da Amazônia, se construiu coletivamente um programa visa identificar líderes que se tornarão empreendedores amazônicos no Brasil, Peru e Colômbia. Os resultados esperados por meio desse programa está em implementar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) para que assim haja o empoderamento de homens e mulheres amazônicos. A importância desse programa além empoderar, está fazer com que os povos amazônidas tenham melhor qualidade de vida sem que necessitem migrar para outras localidades.

Inicialmente para a execução do programa, foi estabelecido entre os representantes das instituições que haverá um intercâmbio de dez estudantes de cada país: dez do Brasil, dez do Peru e dez da Colômbia. O Centro Agronómico Tropical de Investigación y Enseñanza (CATIE) da Costa Rica, contando com as demais instituições de ensino e pesquisa será responsável pelo fornecimento de conhecimento acadêmico via cursos de capacitação e curso de mestrado; a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) do Brasil, Instituto Amazónico de Investigaciones Científicas (Sinchi) da Colômbia, Instituto de Investigaciones de la Amazonía Peruana (IIAP) do Peru e a Asociación Amazónicos por la Amazonia (AMPA) também do Peru, serão responsáveis pelo apoio logístico ao longo do desenvolvimento do programa. O programa terá financiamento do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e contará com demais investimento de outros fundos para sua execução.

CATIE

CATIE (Tropical de Pesquisa Agrícola e Ensino Superior) é um centro regional dedicado à pesquisa e pós-graduação em agricultura, gestão, conservação e uso sustentável dos recursos naturais. Seus membros são Belize, Bolívia, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, RepUblica Dominicana, Venezuela, o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) e do Estado do Acre no Brasil.

 

Newsletter