Jantar das Colheres traz gastronomia sustentável para o público manauara

4 de agosto de 2017 - Noite foi comandada pelo chef Marcos Carioba, finalista do programa The Taste e convidado da Virada Sustentável

 
Chef Marcos Caioba durante Jnatar das Colheres no Impact Hub

Na noite de quarta-feira (03/8) o público manauara pode experimentar colheres inusitadas. O evento promovido pela Fundação Amazonas Sustentável – FAS e pelo Impact HUB, trouxe para Manaus o chef Marcos Carioba, finalista do programa televisivo The Taste Brasil. No evento “Jantar das Colheres”, realizado na sede do Impact HUB, foram servidas colheres da mesma forma que os participantes do programa serviam aos jurados, oferecendo pequenas porções de pratos desenvolvidos a partir dos desafios de cada episódio.

Durante o jantar, os participantes puderam experimentar algumas colheres do chef, que serviu de maneira informal enquanto compartilhava sua experiência no programa e com uma culinária sustentável.

“O que caracteriza cada chef são as referências que se leva para o prato”, comentou o chef Marcos Carioba. Para ele, a sustentabilidade também pode ser praticada na cozinha, dando o devido valor aos alimentos. “Minhas referências são de uma cozinha em que se pode aproveitar tudo, desde cascas de frutas até partes da carne que geralmente são jogadas fora, como a cabeça do peixe”, finaliza.

 

Experiência sustentável

Os participantes do jantar conheceram na prática a cozinha sustentável de Carioba. Uma das colheres foi a manjubinha com gordura de porco, gema curada e kimchi de maçã, em que foi servida a cabeça do pequeno peixe. Adaptado para o paladar local, o peixe fez sucesso.

“Já havia comido cabeça de peixe, mas nada comparado ao sabor da manjubinha. Era crocante e a gordura do porco combinou bem. Foi uma experiência completamente diferente” comentou uma das participantes, a estudante de medicina Letícia Scarlett.

Colheres de manjubinha, destaque na noite

O paladar amazonense já é familiar para Carioba. Paulista, o chef morou em Manaus em 2013 e chefiou um restaurante local no início da carreira. Dessa época, ele destaca as referências que tem da cozinha amazônica, uma delas, a simplicidade na elaboração dos pratos:

“As técnicas aqui não são mirabolantes, coisas de sabores complicados e diversos, mas de execução simples. Os sabores em si já se destacam, como a acidez do tucupi, o gosto amadeirado de canela com baunilha do cumaru e o puxuri, que é como uma noz moscada da Amazônia”, comenta Carioba.

 

Virada Sustentável

Marcos Carioba veio à Manaus à convite da FAS para a Virada Sustentável, realizada no último final de semana. O chef participou da roda de conversa Gastronomia de Impacto, sobre culinária regional, desenvolvimento sustentável e cidadania. O evento teve ainda a participação da coordenadora do núcleo Rio de Janeiro do projeto Gastromotiva, Samantha Souza, do chef Felipe Schaedler, que comanda as cozinhas do Banzeiro e Moquém na capital amazonense. Além do superintendente técnico da FAS, Eduardo Taveira.

Segundo Taveira, a conversa permitiu unir duas pontas importantes da sustentabilidade com a gastronomia:

“A conversa permitiu unir duas frentes sustentáveis na cozinha: a do reaproveitamento, aliando elementos que geralmente descartamos a uma cozinha mais refinada, e a da valorização de produtos locais, que carregam em si componentes de sustentabilidade em todo processo produtivo, comentou.

Para o chef Marcos Carioba, o grande legado da conversa foi a abertura do público para falar sobre sustentabilidade na prática

“É muito bom saber que tem muita gente interessada em conversar sobre sustentabilidade em qualquer que seja o meio, artístico e gastronômico”, comenta.

Chef Marcos Carioba no Impact HUB

“Você percebe que tem gente fomentado o mercado sustentável, reciclando, reaproveitando e inovando no cotidiano. No fim das contas a sustentabilidade parte de cada um e o importante é admitir que você como pessoa pode sempre estar se fazendo algo a mais”, conclui.

Além da roda de conversa, a Virada promoveu mais de 200 atividades ligadas à sustentabilidade na cidade de Manaus, como oficinas, apresentações musicais temáticas e debates.

 

 

Newsletter