Feirinha dos Bilhares trouxe perspectivas de bons negócios para produtores rurais

16 de outubro de 2017 - No total, sete produtores vindos de diferentes municípios da Região Metropolitana de Manaus, participaram da feira.

 

Os produtores rurais que participaram neste domingo, 15/10, da primeira edição da Feirinha de Produtos Regionais do Parque Ponte dos Bilhares ficaram satisfeitos com as perspectivas de bons negócios trazidas pela iniciativa desenvolvida pela Prefeitura de Manaus, com apoio da Fundação Amazonas Sustentável (FAS).

Para os agricultores, a infraestrutura e a localização do parque foram fatores importantes para alavancar as vendas de seus produtos, trazidos direto do campo para o consumidor final. No total, sete produtores vindos de diferentes municípios da Região Metropolitana de Manaus, participaram da feira, que contou também com a presença de parceiros e grupos de atividades físicas. Diversos produtos foram oferecidos e tiveram excelente aceitação.

Além de produtos recém-colhidos, o consumidor teve oportunidade de pagar preços menores que os praticados no mercado. Segundo o coordenador da plataforma Unissafra, Macauly Souza, um dos parceiros presentes, a ideia da feira é exatamente fazer a conexão entre produtores rurais familiares e o mercado, sejam empresas ou o consumidor final. “O Parque dos Bilhares, como um local conhecido e bastante frequentado pela população, traz excelentes perspectivas para o nosso público-alvo”, afirmou. Atualmente, a plataforma trabalha com dez produtores de frutas, hortaliças e produtos de origem animal.

A feirinha acontecerá quinzenalmente, a partir das 6h, na pista de acesso à Praça da Fogueira, na segunda etapa do Parque Ponte dos Bilhares. A próxima edição será no dia 29/10. “Nossa intenção é consolidar o espaço para os agricultores e oferecer uma opção de atrativo matinal ao público que visita o Ponte dos Bilhares nos finais de semana, sempre à tarde e à noite”, explicou o gestor do parque, Dalison Neto.

Para o produtor rural Fábio Nascimento, 34, a feira é uma excelente oportunidade de negócios. “Produzimos limão, pepino, tomate-cereja, entre outras mercadorias, que tenho certeza terão uma boa aceitação do público consumidor aqui no parque”, afirmou.

Além de gerar renda para os agricultores, a feirinha também é uma opção de compras para quem reside no entorno do parque. Alisson Brasil, 32, morador do Condomínio Cidade Jardim, situado ao lado do parque, elogiou a iniciativa. “É ótima, pois somos carentes de produtos assim e temos sempre que nos deslocar para o Centro ou para bairros das redondezas em busca desse tipo de artigo. Agora, graças à iniciativa da Prefeitura de Manaus, temos aqui do lado de casa”, comemorou.

Newsletter