FAS promove oficina e bate-papo gratuitos sobre gestão de projetos culturais no Amazonas

18 de junho de 2019 - As atividades são abertas ao público e têm objetivo de auxiliar artistas, produtores e demais profissionais. Aspectos jurídicos e perspectivas para o setor cultural em 2019 serão discutidos

 
Uma das atividades é o Papo Sustentável | Foto: Dirce Quintino

Os aspectos jurídicos e as perspectivas para o setor cultural no Amazonas em 2019 serão pautas de uma programação gratuita promovida pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS), em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura (SEC), Feira da FAS e Virada Sustentável Manaus, na próxima quinta-feira (27), na sede da FAS, em Manaus, na rua Álvaro Braga, 351, no Parque Dez. As atividades são abertas ao público e têm objetivo de auxiliar artistas, produtores e demais profissionais interessados na gestão de projetos culturais.

A programação começa com a oficina de Direito e Produção Cultural, das 9h às 16h de quinta-feira (27), conduzida pelo advogado e gestor sociocultural Renato Saraiva de Moraes, que coordena a Virada Sustentável no Rio de Janeiro. “Abordarei noções de direito para gestores e produtores culturais, com foco em legalizações, contratos e tributos”, explica. Saraiva também falará sobre leis federais de incentivo à cultura.

A legislação local de incentivo à cultura será trabalhada pela psicóloga Jaqueline de Freitas Figueiredo, que possui ampla experiência na área de captação de recursos e elaboração de projetos em políticas públicas de Cultura, Turismo e Garantia de Direitos.

Às 19h acontece um Papo Sustentável com o tema “Cultura: Oportunidades e Desafios em pleno 2019”, que além de Renato Saraiva de Moraes e Jaqueline Freitas Figueiredo também contará com a participação do rapper e articulador cultural Jander Manauara. A coordenadora da Virada Sustentável Manaus, Paula Carramaschi Gabriel, será responsável pela moderação.

“Em um momento histórico onde o mundo está voltando a sua economia para os empreendimentos criativos, precisamos debater como é possível estimular o setor cultural dentro da nossa realidade. A cultura é uma importante ferramenta de transformação social. É instrumento de formação do cidadão, serve para desenvolver o senso crítico, possibilitar reflexões. Por este motivo, é um dos segmentos trabalhados na Virada Sustentável Manaus”, enfatiza Paula.

Para participar da oficina e do Papo Sustentável é necessário preencher os formulários online das duas atividades disponíveis aqui e aqui, respectivamente. As vagas para cada atividade são limitadas a 250 pessoas.

Virada Sustentável

Maior festival de sustentabilidade da América Latina, a Virada Sustentável Manaus ocorrerá nos dias 26, 27 e 28 de julho com centenas de atividades gratuitas em todas as zonas da capital amazonense. A população poderá participar de oficinas, exposições, shows, debates, palestras, intervenções artísticas, sessões de yoga, meditação, terapias holísticas, entre outras ações. Toda a programação será divulgada em breve no site: www.viradasustentavel.org.br/manaus.

A quinta edição do festival, via Lei de Incentivo à Cultura, tem patrocínio da Uber Eats, Bemol e CMPC, copatrocínio da Liberty Seguros e parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). Além disso, possui colaboração da Whirlpool, Honda, Votorantim, Grupo Martins/IAMAR, World Animal Protection, Instituto Sabin, Shopping Manaus Via Norte, ARMOR Brasil, Local Hostel Manaus, Local Hostel Figueiredo, Secretaria de Estado de Cultura (SEC), Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), Agência Oto e Up Comunicação Inteligente.

É uma correalização do Instituto Virada Sustentável e Fundação Amazonas Sustentável (FAS), e realização Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Pátria Amada Brasil Governo Federal.

Newsletter