Compensação de Emissões

O programa de carboneutralização da FAS está baseado no Projeto de REDD da Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Juma.

Este projeto foi validado com padrão ouro em setembro de 2008 pela certificadora alemã T?V-S?D, segundo o padrão internacional Aliança Clima, Comunidade e Biodiversidade (CCBA).

O Projeto de REDD da RDS do Juma, em parceria com o Governo do Estado do Amazonas, desenvolve atividades para controlar o desmatamento da reserva, evitando que mais de 329 mil hectares sejam desmatados e suas consequente emissão de 189 milhões de toneladas de CO2e para a atmosfera. Esse projeto tem validado 3,6 milhões de tCO2e (de 2006 a 2016) pela certificadora T?V-S?D.

O programa da FAS está fundamentado em contratos de doação condicionados às atividades de implementação da RDS do Juma previstos no documento de concepção de projeto . Os direitos e obrigações contidos nestes contratos são intransferíveis, não podendo ser repassados para terceiros.

Todas as transações procedentes deste programa estão relacionadas abaixo. Além disso, a FAS mantém um registro de todos os cotnratos que, como demais documentos, são submetidos e auditados pela PricewaterhouseCoopers.

Registro do Programa de Carbono

Registro do Programa de Carbono English

Para maiores informações entrar em contato através do e-mail carbono@fas-amazonas.org

Sobre o Marriott International

A rede de hotéis Marriott International financia o Projeto de REDD da RDS do Juma com investimentos anuais de US$ 500 mil durante os quatro primeiros anos (2008-2012), combinando receitas de seus hóspedes, encorajados a compensar a pegada de carbono respectiva a sua hospedagem.